Home > Notícias > Mais Notícias > Posição sobre a eleição da mesa diretora da ALERJ

Posição sobre a eleição da mesa diretora da ALERJ

Bancada do PSOL diz não à eleição do PMDB como mesa diretora da Alerj.

Bancada do PSOL diz não à eleição do PMDB como mesa diretora da Alerj.

Hoje, dia 02 de fevereiro, acontecerá a eleição para a mesa diretora da ALERJ, provavelmente composta de chapa única, envolvendo diferentes partidos e encabeçada pelo PMDB. A bancada do PSOL não vai participar da chapa e votará NÃO. Infelizmente, não poderemos apresentar um candidato do PSOL à presidência, como feito no Congresso Nacional, com o lançamento do nome do companheiro Chico Alencar. Na ALERJ, o regimento impede essa possibilidade.

O PSOL aumentou muito o seu peso parlamentar nas últimas eleições no estado do Rio, passamos de 2 para 5 deputados eleitos. Este fato aumenta a nossa responsabilidade e as possibilidades de atuação dentro e fora desta casa. Nos baseamos nos princípios da transparência, do aprofundamento da verdadeira democracia, com a ampliação da participação popular e do enfrentamento das injustiças sociais e ambientais. Portanto, o NÃO é um voto coerente com o papel que o PSOL cumpre na sociedade e na política brasileira.

Cada vez mais, a política no estado está dominada pela lógica do favorecimento de interesses privado-empresariais em detrimento dos direitos dos trabalhadores e do bem-comum. E o PMDB tem sido o grande responsável por fortalecer esta lógica no Rio de Janeiro.

Mais do que nunca, construir um parlamento que atue com independência não somente do governo, mas das diretrizes que movem a política do Rio de Janeiro é nossa tarefa. Seguiremos na luta, cobrando da direção eleita da ALERJ um comportamento que respeite o peso que o povo delegou à nossa bancada e fazendo firme oposição ao projeto político que domina o nosso estado há tantos anos.

Flavio Serafini – deputado estadual PSOL